THE ROVER – A CAÇADA

therover01

Neo-western interessante que aposta muito na ambientação externa para refletir a desolação da alma dos dois personagens principais. Mais um road movie existencialista e (bem) menos o faroeste violento que se pode esperar. Guy Pearce (“A Proposta”), mais uma vez muito bem como o “Clint Eastwood australiano”, vive este homem atormentado pela morte da mulher e que tem como único bem um carro velho (poderia muito bem ser um cavalo, fosse um western clássico), que é roubado. Robert Pattinson (“Cosmópolis”) também impressiona como o irmão caçula do líder do bando (Scoot McNairy, de “Monstros”), um rapaz tagarela e abobalhado que contrasta com a personalidade do protagonista, um homem quieto e soturno. Os dois são bem construídos, ao contrário dos bandidos, que são superficiais e não representam de fato qualquer ameaça — é questão de tempo até que sejam pegos. David Michôd (“Reino Animal”) é um cineasta de estilo marcante, que aqui consegue envolver o espectador, mesmo propondo um ritmo mais lento, e extrair pequenas surpresas de um enredo simplista. Passou batido nos cinemas brasileiros e agora está disponível no Netflix. ■

Nota: 6/10 — veja sem pressa

THE ROVER – A CAÇADA (The Rover, 2014, Austrália/EUA) — direção: David Michôd; roteiro: David Michôd; fotografia: Natasha Braier; montagem: Peter Sciberras; música: Antony Partos; com Guy Pearce, Robert Pattinson, Scoot McNairy, Tawanda Manyimo, David Field. 103 min
%d blogueiros gostam disto: