Indicados ao Oscar 2011: "O Discurso do Rei" lidera; "A Origem" fora de Melhor Direção

Agora deu medo, hein? Tudo bem, não vimos o filme ainda. Mas “O Discurso do Rei” tem produção executiva dos irmãos Weinstein e parece que estamos vendo o filme do Oscar de 1999 passar de novo, quando “Shakespeare Apaixonado” varreu uma das mais constrangedoras edições do Oscar. Agora, vemos o longa dirigido pelo relativamente novato Tom Hooper (e se você se lembra, John Madden também era um ilustre desconhecido da maioria do público – e continuou sendo, verdade seja dita) conquistar o prêmio do PGA, o sindicato dos produtores, e liderar a lista de indicações ao Oscar concorrendo em 12 categorias (que podem acabar se traduzindo em menos de meia dúzia de prêmios). Só saberemos se há de fato méritos no filme em 11 de fevereiro, quando ele for lançado no Brasil.

Mas e “A Origem”? Indicado a Melhor Filme, mas fora da disputa pelas estatuetas de Melhor Direção e Montagem, duas categorias fortíssimas na arrancada rumo à vitória na categoria principal. O filme de Christopher Nolan de repente perde pontos na bolsa de apostas, enquanto “Bravura Indômita”, dos irmãos Coen, cresce. “A Rede Social” e “Toy Story 3” continuam com chances, portanto, teremos um Oscar competitivo este ano, o que é a melhor notícia de todas.



Algumas observações aleatórias:

– Os irmãos Coen são os veteranos da turma indicada ao Oscar de Melhor Direção. Estamos velhos, fato.

– Pixar 6 hit combo: Melhor Filme, Roteiro Adaptado, Animação, Canção e Edição de Som (“Toy Story 3”), mais Curta de Animação (“Dia e Noite”).

– Pena a Academia ter indicado só três animações. Bom para “O Mágico”, do Sylvain Chomet”, ruim para “Enrolados”, que merecia ser lembrado.

– Jeremy Renner “pegou” mesmo, segunda indicação consecutiva, agora como Coadjuvante, por “Atração Perigosa” (ano passado, como principal, por “Guerra ao Terror”).

– James Franco será apresentador do Oscar e ao mesmo tempo concorre ao prêmio de Melhor Ator.

– “Lixo Extraordinário”, apesar de ter fortes ligações com o Brasil (co-produção, co-direção e personagem principal), não representa o Brasil no Oscar, já que a Academia indicou oficialmente apenas os britânicos envolvidos: Lucy Walker (diretora) e Angus Aynsley (produtor). Via @saymon_n

– Filmes que saíram no lucro mesmo com apenas uma indicação: “Salt” (Mixagem de Som), “Incontrolável” (Edição de Som), “Além da Vida” (Efeitos Visuais), “Minha Versão do Amor” (Maquiagem) e “Country Strong” (Melhor Canção).

Confira abaixo a lista completa de indicações. A cerimônia de premiação ocorre em 27 de fevereiro.

MELHOR FILME

“Cisne Negro”
“O Vencedor”
“A Origem”
“Minhas Mães e Meu Pai”
“O Discurso do Rei”
“127 Horas”
“A Rede Social”
“Toy Story 3”
“Bravura Indômita”
“Inverno da Alma”

DIREÇÃO

Daren Aronofsky – “Cisne Negro”
David Fincher – “A Rede Social”
Tom Hooper – “O Discurso do Rei”
David O. Russell – “O Vencedor”
Joel Coen e Ethan Coen – “Bravura Indômita”

ROTEIRO ORIGINAL

“A Origem”
“Minhas Mães e Meu Pai”
“O Discurso do Rei”
“Another Year”
“O Vencedor”

ROTEIRO ADAPTADO

“127 Horas”
“Toy Story 3”
“Bravura Indômita”
“A Rede Social”
“Inverno da Alma”

ATOR

Colin Firth – “O Discurso do Rei”
Javier Bardem – “Biutiful”
Jeff Bridges – “Bravura Indômita”
Jesse Eisenberg – “A Rede Social”
James Franco – “127 Horas”

ATRIZ

Annette Bening – “Minhas Mães e Meu Pai”
Nicole Kidman – “Reencontrando a Felicidade”
Michele Williams – “Namorados para Sempre”
Jennifer Lawrence – “Inverno da Alma”
Natalie Portman – “Cisne Negro”

ATOR COADJUVANTE

Christian Bale – “O Vencedor”
John Hawkes – “Iverno da Alma”
Jeremy Renner – “Atração Perigosa”
Mark Ruffalo – “Minhas Mães e Meu Pai”
Geoffrey Rush – “O Discurso do Rei”

ATRIZ COADJUVANTE

Amy Adams – “O Vencedor”
Helena Bonham Carter – “O Discurso do Rei”
Melissa Leo – “O Vencedor”
Hailee Steinfeld – “Bravura Indômita”
Jacki Weaver – “Animal Kingdom”

FOTOGRAFIA

“Cisne Negro” – Matthew Libatique
“A Origem” – Wally Pfister
“O Discurso do Rei” – Danny Cohen
“A Rede Social” – Jeff Cronenweth
“Bravura Indômita” – Roger Deakins

MONTAGEM

“Cisne Negro”
“O Vencedor”
“O Discurso do Rei”
“127 Horas”
“A Rede Social”

TRILHA SONORA ORIGINAL

“Como Treinar Seu Dragão”
“A Origem”
“O Discurso do Rei”
“127 Horas”
“A Rede Social”

CANÇÃO ORIGINAL

“Cooming Home”, de “Country Song”
“I See the Light”, de “Enrolados”
“If I Rise”, de “127 Horas”
“We Belong Together”, de “Toy Story 3”

MIXAGEM DE SOM

“A Origem”
“O Discurso do Rei”
“Salt”
“A Rede Social”
“Bravura Indômita”

EDIÇÃO DE SOM

“A Origem”
“Toy Story 3”
“Tron: O Legado”
“Bravura Indômita”
“Incontrolável”

EFEITOS VISUAIS

“Além da Vida”
“Alice no País das Maravilhas”
“Harry Potter e as Relíquias da Morte Parte 1”
“A Origem”
“Homem de Ferro 2”

DIREÇÃO DE ARTE

“Alice no País das Maravilhas”
“Harry Potter e as Relíquias da Morte Parte 1”
“A Origem”
“O Discurso do Rei”
“Bravura Indômita”

FIGURINO

“Alice no País das Maravilhas” – Colleen Atwood
“I Am Love” – Antonella Cannarozzi
“O Discurso do Rei” – Jenny Beavan
“A Tempestade” – Sandy Powell
“Bravura Indômita” – Mary Zophres

MAQUIAGEM

“A Minha Versão do Amor”
“Caminho da Liberdade”
“O Lobisomem”

FILME ESTRANGEIRO

“Biutiful” (México), de Alejandro Iñarritu
“Incendies” (Canadá), de Denis Villeneuve
“Em um Mundo Melhor” (Dinamarca), de Susanne Bier
“Dente Canino” (Grécia), de Yorgos Lanthimos
“Fora da Lei” (Argélia), de Rachid Bouchareb.

LONGA DE ANIMAÇÃO

“Como Treinar Seu Dragão”
“O Mágico”
“Toy Story 3”

CURTA DE ANIMAÇÃO

“Dia & Noite”
“The Gruffalo”
“Let’s Pollute”
“The Lost Thing”
“Madagascar, carnet de voyage”

CURTA

“The Confession”
“The Crush”
“God of Love”
“Na Wewe”
“Wish 143”

DOCUMENTÁRIO

“Exit through the Gift Shop”
“Gasland”
“Trabalho Interno”
“Restrepo”
“Lixo Extraordinário”

CURTA DOCUMENTÁRIO

“Killing in the Name”
“Poster Girl”
“Strangers No More”
“Sun Come Up”
“The Warriors of Qiugang”

%d blogueiros gostam disto: