"As Aventuras de Molière" (2007), de Laurent Tirard e Ariane Mnouchkine - Foto: Divulgação

Festival Varilux de Cinema Francês homenageia os 400 anos de Molière

A 13ª edição do Festival Varilux de Cinema Francês acontece de 21 de junho a 6 de julho e terá como destaque em sua programação uma homenagem ao aniversário de 400 anos do nascimento de Jean-Baptiste Poquelin, mais conhecido como Molière. Dramaturgo francês e ator engajado, ele é considerado o pai da Comédia Francesa por seus textos satíricos e críticos.

Para celebrar o autor, o Festival Varilux vai exibir em sua programação o filme “As Aventuras de Molière”, no qual o então jovem diretor de teatro zomba da nobreza e faz sucesso entre as classes mais baixas da França. Ele acaba sendo preso por não pagar taxas ao governo, mas um aristocrata paga sua dívida e, em troca, se aproveita dos talentos de Molière como escritor para cortejar sua amada.

Outra homenagem do Festival Varilux este ano é a um clássico do cinema francês: a comédia “Papai Noel é um Picareta”, de 1982. Muito diferente de um filme tradicional de Natal, a produção se consagrou devido a seu marcante humor ácido e à escalada de situações absurdas vividas por personagens excêntricos. O filme é baseado na peça teatral de mesmo nome e tem direção do veterano cineasta Jean-Marie Poiré.



Cinema francês contemporâneo

A programação da 13ª edição do Festival Varilux de Cinema Francês exibe ao todo 17 longas-metragens inéditos no circuito brasileiro. Em destaque na seleção, novos trabalhos de diretores aclamados e já conhecidos do público, como François Ozon, com o drama “Peter Von Kant”. Baseado em “As Lágrimas Amargas de Petra Von Kant”, obra-prima do cineasta alemão Rainer Werner Fassbinder, o longa troca a personagem Petra por Peter, que se envolve amorosamente com o jovem Amir, e marca, assim, a volta de Ozon à temática LGBTQIA+.

Denis Ménochet e Khalil Ben Gharbia em “Peter von Kant” (2022), de François Ozon – Foto: Divulgação

Já Cédric Klapisch está no festival com “O Próximo Passo”, em que uma jovem e promissora bailarina clássica se machuca após flagrar a traição do namorado. Ela luta para se recuperar, buscando novos rumos no mundo da dança contemporânea.

Outro cineasta premiado presente na programação é Asghar Farhadi, com “Um Herói”. O filme acompanha um homem que foi preso por conta de uma dívida. Ao ser dispensado da cadeia por dois dias, ele tenta convencer seu credor a retirar a queixa, mas nada acontece como planejado.

O ator Louis Garrel mostra sua faceta de cineasta com a comédia “Um Pequeno Grande Plano”. Na história, o garoto Joseph, de 13 anos, está vendendo seus bens mais valiosos para financiar um projeto ecológico na África. Mas para a surpresa dos pais, ele não é o único.

Vencedores de Veneza

Também está na programação o aguardado “O Acontecimento”, de Audrey Diwan, vencedora do Leão de Ouro no Festival de Veneza em 2021. O longa é uma adaptação do romance homônimo de Annie Ernaux e conta a história de uma jovem que, em plena década de 1960, toma a difícil decisão de interromper sua gravidez.

Anamaria Vartolomei em “O Acontecimento” (2021), de Audrey Diwan – Foto: Divulgação

Vale destacar ainda “Contratempos”, de Eric Gravel, vencedor dos prêmios de Melhor Diretor e Melhor Atriz (Laure Calamy) na mostra Horizontes, a segunda competição mais importante do Festival de Veneza. No longa, Julie luta sozinha para criar dois filhos no subúrbio e manter seu emprego em Paris. Quando ela finalmente consegue uma entrevista para um cargo desejado, uma greve geral paralisa o transporte. Ela, então, embarca em uma corrida para salvar seu emprego e sua família.

O Festival Varilux também tem opções para os fãs de suspense: “Golias”, um thriller com denúncia ambiental; e “Kompromat”, que narra uma trama de espionagem envolvendo a Aliança Francesa da Sibéria e o Serviço Federal de Segurança da Rússia.

Em Belo Horizonte, os cinemas que fazem parte do Festival Varilux são o Centro Cultural Unimed BH Minas, o UNA Cine Belas Artes, o Cineart Ponteio e o Cinemark Pátio Savassi. Os valores e horários são de acordo com cada cinema. A programação está disponível no site oficial.

SERVIÇO
13º Festival Varilux de Cinema Francês
De 21 de junho a 6 de julho de 2022
Sessões presenciais em 50 cidades do Brasil
Programação completa e mais informações aqui.

%d blogueiros gostam disto: