Dica de filme: “Prata-Viva”

"Prata-Viva" (Vif-argent, 2019), de Stéphane Batut - Divulgação
Divulgação

Vif-argent ou Burning Ghost | França | 2019 | 104 min

Dirigido pelo francês Stéphane Batut, este drama é um romance sobrenatural com um conceito original e interessante sobre a vida após a morte. Na narrativa, o protagonista Juste (Thimotée Robart) anda pelas ruas de Paris em busca de pessoas que só ele pode ver, pois são espíritos, assim como ele. O rapaz escuta e sente a última memória dessas almas perdidas para ajudá-las na passagem para o além. Um dia, Agathe (Judith Chemla), uma jovem mulher, reconhece Juste. E ele vai percebendo que ela é alguém que se conecta à sua vida anterior, da qual ele não se lembra de nada. No entanto, como Agathe está viva e ele é um fantasma, a relação dos dois parece uma segunda chance, mas também uma impossibilidade. Chama a atenção como o filme começa mais sóbrio e naturalista, mesmo permeado pelo fantástico, até chegar a um tom melodramático. Família e melancolia são outros temas explorados além do amor.

Onde ver: Amazon Prime Video, Google Play, Apple iTunes | Mais info: IMDb

 

Receba dicas de filmes como esta toda semana no seu e-mail!
Junte-se ao Cineclube Cinematório. Você apoia o site e tem acesso à Seleção Oficial, nossa newsletter de dicas de streaming.

Cineclube Cinematório

%d blogueiros gostam disto: