"Parasita" (Parasite, 2019) - Foto: Pandora Filmes/Divulgação
"Parasita" (Parasite, 2019) - Foto: Pandora Filmes/Divulgação

cinematório café #108: “Parasita” nosso de cada dia

Clique para reproduzir em uma nova janela | Download

Spotify | Deezer | Castbox | TuneIn | Stitcher | Player FM

Neste podcast, discutimos “Parasita” (Parasite, Coreia do Sul, 2019), filme dirigido por Bong Joon-ho e grande vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes deste ano. Cotado também para o Oscar 2020, o longa-metragem é uma sátira social sobre uma família que vive um período de crise financeira e não tem escrúpulos para aproveitar uma oportunidade de ter uma vida luxuosa.

Estamos vivendo uma época em que o capitalismo é a ordem reinante e não temos alternativa. Isso no mundo inteiro. Na sociedade capitalista de hoje, existem castas que são invisíveis aos olhos. Nós tratamos as hierarquias de classe como uma relíquia do passado, mas a realidade é que ainda existem e não podem ser ultrapassadas.” — Bong Joon-ho

Para o bate-papo, nós recebemos Ana Lúcia Andrade, professora de Cinema da Escola de Belas Artes da UFMG.

Quer mandar um e-mail? Escreva seu recado e envie para contato@cinematorio.com.br. A sua mensagem pode ser lida no podcast!

O cinematório café é produzido e apresentado por Renato Silveira e Kel Gomes. A cada episódio, nós propomos um debate em torno de filmes recém-lançados e temas relacionados ao cinema, sempre em um clima de descontração e buscando refletir sobre imagens presentes no nosso dia a dia.

– Receba nossa newsletter e conteúdo exclusivo de cinema! Saiba mais!

cinematório - Observando a sétima arte.

Hyperlinks deste episódio:

— Trailer:

— Bong Joon-ho comenta a cena de abertura de “Parasita”:


Apoio:

Pão & Companhia

MUBI

cinematório é parceiro do MUBI, um serviço de streaming de filmes que exibe preciosidades cinematográficas realizadas no mundo todo, escolhidas a dedo por uma equipe de curadores. Faça um teste por 30 dias grátis: basta se cadastrar neste link.

%d blogueiros gostam disto: