CINEMATÓRIO AWARDS 2007: Piores Filmes

Este ano, não houve coicindências em nossas listas de bombas. Mas há de se destacar algumas coisas, por exemplo, a presença de três produções brasileiras, sendo que nenhuma entrou na relação dos 10 melhores filmes. Definitivamente, não foi um ano positivo para nosso cinema. Outro mau sinal é que diretores uma vez renomados agora figuram entre os fracassados (a citar, Wolfgang Petersen e M. Night Shyamalan). Eita, aninho!

As 10 Bombas de 2006, por Renato Silveira

1º. “Uma Comédia Nada Romântica”, de Aaron Seltzer
2º. “Casseta & Planeta – Seus Problemas Acabaram!!!”, de José Lavigne
3º. “O Grito 2”, de Takashi Shimizu
4º. “Muito Gelo e Dois Dedos D’Água”, de Daniel Filho
5º. “A Profecia”, de John Moore
6º. “O Pequenino”, de Keenen Ivory Wayans
7º. “O Pacto”, de Renny Harlin
8º. “Protegida por um Anjo”, de Craig Rosenberg
9º. “Fica Comigo Esta Noite”, de João Falcão
10º. “Escuridão”, de John Fawcett



Menção Desonrosa: “Maldição”, de Courtney Solomon

As 10 Bombas de 2006, por Tooms

1º. “A Dama na Água”, de M. Night Shyamalan
2º. “Turistas”, de John Stockwell
3º. “Ultravioleta”, de Kurt Wimmer
4º. “Firewall – Segurança em Risco”, de Richard Loncraine
5º. “O Sacrifício”, de Neil LaBute
6º. “Revolver”, de Guy Ritchie
7º. “A Noite do Terror” (“Black Christmas”), de Glen Morgan
8º. “Eragon”, de Stefen Fangmeier
9º. “Anjos da Noite: A Evolução”, de Len Wiseman
10º. “Poseidon”, de Wolfgang Petersen

Menção Desonrosa: “O Massacre da Serra Elétrica: O Início”, de Jonathan Liebesman

%d blogueiros gostam disto: