Como você usa uma crítica?

Esta pergunta sempre andou em círculos na minha cabeça e, esta semana, pude pensar nela um pouco mais a fundo depois de conversar com minha colega de profissão Carolina Braga, que atualmente está fazendo PhD em Jornalimo em Barcelona. Ela está conduzindo uma pesquisa sobre “crítica de cinema interativa” para sua tese (saiba mais), abordando o futuro da crítica com a internet, o que o meio proporciona de diferencial em relação ao impresso e, principalmente, como as ferramentas de interatividade podem interferir na construção do texto.

Um dos pontos que ela levantou em nossa conversa foi o papel do leitor nessa interatividade. E isso me levou à velha questão: como um leitor gosta de usar uma crítica? Ele lê para saber se o filme é bom ou ruim antes de ver? Para descobrir outros pontos de vistas? Para saber se o crítico gostou ou detestou o filme tanto quanto ele? Existe um interesse em iniciar um debate? Ou é apenas o gosto de ler sobre cinema?

Portanto, passo a bola para vocês: quando, como e por que vocês procuram uma crítica de cinema? Peço que respondam a essas três dúvidas. Assim, nos darão uma mão para definir os rumos que tomaremos aqui no Cinematório e, de quebra, estarão ajudando a Carolina na pesquisa. Eu gostaria muito de ler o que vocês têm a dizer.

%d blogueiros gostam disto: