Ranking dos filmes dos anos 2000

Este mês, a Liga dos Blogues Cinematográficos lançou o desafio de montar um ranking com os melhores filmes dos anos 2000 – isto é, contando os longas lançados de 2000 até 2007. Rankings de décadas são habituais no grupo, mas achei este um dos mais difíceis de serem montados. A explicação é até meio óbvia: com certeza eu vi muito mais filmes desses oito anos do que, por exemplo, dos anos 80 ou 70 ou 60. E isso por força da profissão e também por oportunidade mesmo, já que a ascensão do DVD contribuiu consideravelmente.

Quanto à lista: tanto os meus filmes prediletos (escolhidos por critérios assumidamente subjetivos) quanto os do ranking final da Liga mostram uma predominância de filmes e diretores norte-americanos (ou de outras nacionalidades que tiveram que recorrer a Hollywood para ganhar visibilidade). Os asiáticos vêm em seguida, depois os brasileiros e, por último, representantes espalhados do cinema europeu. Reflexo da agenda da distribuição no país? Talvez – se você olhar a lista do IMDb, verá que essa hierarquia também se repete.



Depois dos meus 20 mais, listo também outros 30 títulos que considero importantes ou marcantes para os anos 2000. Não consegui ordená-los, admito. Aliás, já refiz a lista inteira umas dez vezes e nunca fico satisfeito com ela.

Eu gostaria que vocês também contribuíssem e listassem os seus preferidos (não precisa ser 20) ou sugerissem outros filmes pouco lembrados. Vamos lá?

1º. Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças (2004), de Michel Gondry
2º. Na Natureza Selvagem (2007), Sean Penn
3º. Quase Famosos (2000), Cameron Crowe
4º. O Senhor dos Anéis: A Sociedade do Anel (2001), Peter Jackson
5º. Kill Bill: Volume 1 (2003), Quentin Tarantino
6º. Cidade dos Sonhos (2001), David Lynch
7º. Cidade de Deus (2002), Fernando Meirelles
8º. Ratatouille (2007), Brad Bird
9º. Cão Sem Dono (2007), Beto Brant e Renato Ciasca
10º. A Criança (2005), Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne
11º. Sangue Negro (2007), de Paul Thomas Anderson
12º. Ônibus 174 (2002), José Padilha
13º. Oldboy (2003), Park Chan-wook
14º. O Novo Mundo (2005), Terrence Malick
15º. Os Infiltrados (2006), Martin Scorsese
16º. Fahrenheit 11 de Setembro (2004), Michael Moore
17º. Sobre Meninos e Lobos (2003), Clint Eastwood
18º. Munique (2005), Steven Spielberg
19º. O Segredo de Brokeback Mountain (2005), Ang Lee
20º. Edifício Master (2002), Eduardo Coutinho

Outros trinta filmes marcantes da década (por ordem alfabética):

Amnésia (2000), Christopher Nolan
Batman Begins (2005), Christopher Nolan
Caché (2005), Michael Haneke
Cinema, Aspirinas e Urubus (2005), Marcelo Gomes
Corpo Fechado (2000), M. Night Shyamalan
Diários de Motocicleta (2004), Walter Salles
Dogville (2003), Lars von Trier
Donnie Darko (2004), Richard Kelly
Encontros e Desencontros (2003), Sofia Coppola
Os Excêntricos Tenenbaums (2001), Wes Anderson
Filhos da Esperança (2006), Alfonso Cuarón
O Homem que Copiava (2003), Jorge Furtado
Jogo de Cena (2007), Eduardo Coutinho
O Labirinto do Fauno (2006), Guillermo del Toro
Lavoura Arcaica (2001), Luiz Fernando Carvalho
Marcas da Violência, David Cronenberg
Menina de Ouro (2004), Clint Eastwood
Moulin Rouge – Amor em Vermelho (2001), Baz Luhrman
Não Estou Lá (2007), Todd Haynes
Onde os Fracos Não Têm Vez (2007), Joel Coen e Ethan Coen
O Pianista (2002), Roman Polanski
Ponto Final – Match Point (2005), de Woody Allen
O Retorno (2003), Andrei Zvyagintsev
O Senhor dos Anéis: O Retorno do Rei (2003), Peter Jackson
Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith (2005), George Lucas
Terra de Sonhos (2003), Jim Sheridan
O Tigre e o Dragão (2000), Ang Lee
Tropa de Elite (2007), José Padilha
Vôo 93 (2006), Paul Greengrass
X-Men 2 (2003), Bryan Singer
Zodíaco (2007), David Fincher

%d blogueiros gostam disto: